Search
  • Paulo Jorge Pereira

"O Estrangeiro", de Albert Camus

Com uma obra em que está bem vincada a estética do absurdo, o escritor defendeu diversas causas sociais. Como crítico do comunismo soviético, tornou-se opositor intelectual de Jean-Paul Sartre, amigo que não poupara elogios à sua escrita.

Em 1967, Luchino Visconti realizou a adaptação para cinema d'"O Estrangeiro", com Marcello Mastroianni como protagonista. Aqui está um pequeno excerto da obra. Outras obras de Camus foram adaptadas ao grande ecrã como a peça "Calígula" ou "A Peste". Neste último caso, uma das versões é dos anos 90, do realizador argentino Luis Puenzo, tendo no elenco William Hurt, Sandrine Bonnaire, Robert Duvall e Raul Julia.


Tradução de António Quadros (Livros do Brasil)

Distinguido com o Nobel da Literatura aos 44 anos, em 1957, foi o segundo mais jovem a receber semelhante prémio.

Nascido na Argélia sob domínio francês em 1913, na cidade de Mondovi, foi guarda-redes da equipa de futebol universitária, mas a tuberculose obrigou-o a deixar o desporto. Doutorado em Filosofia, trabalhou em Jornalismo, foi membro da Resistência francesa contra o nazismo. Morreu num acidente de viação em 1960.


23 views

© 2020 by Livros Lidos. Direitos reservados

This site was designed with the
.com
website builder. Create your website today.
Start Now