Search
  • Paulo Jorge Pereira

"O Livro dos Peixes de Gould", de Richard Flanagan

Um romance em 12 peixes é a obra que o australiano Richard Flanagan escreveu sob o título "O Livro dos Peixes de Gould", vencedor do Prémio Commonwealth Writers em 2002. Flanagan iria ainda vencer o Man Booker Prize de 2014.



Multipremiado e autor de uma obra variada, Richard Miller Flanagan nasceu em Longford, na região australiana da Tasmânia, em 1961, aqui continuando a viver com Majda, a mulher de origem eslovena, e as três filhas (Rosie, Jean e Eliza). Quinto de seis filhos, Flanagan nasceu com graves problemas auditivos, tendo a correção sido feita apenas aos seis anos. Iria obter formação superior em Artes e, mais tarde, um mestrado em História. Antes de se dedicar a escrever romances, Flanagan escreveu vários livros de não-ficção que, mais tarde, iria classificar como a sua fase de aprendizagem. "Death of a River Guide" (1994) foi o seu primeiro livro e logo recebeu prémios, seguindo-se "The Sound of One Hand Clapping" (1997), uma história de migrantes eslovenos que lhe assegurou maiores momentos de grande evidência, pois vendeu mais de 150 mil exemplares na Austrália e voltou a ser distinguido com galardões. Em 2001, o escritor inspirou-se na vida de William Buelow Gould, artista que fora deportado em 1828 para a então colónia prisional britânica que era a Austrália, e na sua paixão por uma jovem negra. Tornou a receber elogios e ganhou o Commonwealth Writers Prize. Em 2006 publicou "The Unknown Terrorist" e suscitou atenções nos Estados Unidos.

O jornalismo tornou-se campo da sua ação a partir dos primeiros anos do século XXI e também aí as suas abordagens foram premiadas. "Wanting" foi o seu quinto livro, publicado em 2008, seguindo-se um interregno de cinco anos até ser apresentada a sua sexta obra (segunda com tradução em português), "A Senda Estreita para o Norte Profundo" (2013), pela qual seria galardoado com o Man Booker Prize de 2014. "First Person" (2017) e "The Living Sea of Waking Dreams" (2020) são os mais recentes trabalhos de Flanagan.


Editora Dom Quixote


"The Sound of One Hand Clapping", filme que realizou baseado no seu romance homónimo, teve o nome de Richard Flanagan entre os nomeados para o Urso de Prata no Festival de Cinema de Berlim.

Realizador e argumentista do filme "The Sound of One Hand Clapping" (1998), inspirado no seu livro homónimo, Richard Flanagan esteve depois ligado a "Australia" (2008), a longa metragem de Baz Luhrmann com Nicole Kidman e Hugh Jackman, no papel de coautor.

24 views0 comments

Recent Posts

See All

© 2020 by Livros Lidos. Direitos reservados

This site was designed with the
.com
website builder. Create your website today.
Start Now